Assaduras e pomadas – o que finalmente resultou

Assaduras têm sido um problema para mim. Sempre relacionados com o romper dos dentes dos M’s.

Com o Martim, cada novo dente trazia sofrimento. Não havia febre nem rabugice mas havia assaduras ferozes. E doíam.

Havia dias em que ele gritava desesperado ao menor contacto com a água do banho, fosse a que temperatura disse: e ele, que até hoje adora o banho…

Encontrámos a Erypaste da Lustine e, para ele, foi o que funcionou.

Com o Miguel o caminho tem sido mais tortuoso. Como não teve qualquer dente até aos 8 meses, quando apareceram os primeiros, eram quatro.

Desde então as assaduras vieram para ficar. E as do Miguel conseguem ser piores do que as do Martim. O Miguel fica em carne viva. O Miguel sangra.

As assaduras do Miguel já nos levaram três vezes ao médico.

O Erypaste com ele era inútil. Tudo o que nos sugeriram foi inútil. Combinações várias de Canestene, Mitosyl, Bacitracina, Cicalfate, Bepanthene, foram inúteis.

Na última consulta a médica indicou-nos esta dupla da Isdin: Nutraisdin ZN40 para as mudas de fralda regulares e Nutraisdin AF para a primeira e última mudas do dia.

Em três dias todas as feridas fecharam. Vou poupar-vos a fotos da maravilhosa bundoca do meu bebé mas creiam-me quando digo que ainda só passou uma semana e meia e as melhorias são muito evidentes.

Não são a coisa mais barata do universo (o pack na farmácia ficou a 25 euros mais cêntimo menos cêntimo), mas se é só quanto custa a minha tranquilidade a minha conclusão é: está barato.